Skip to content Skip to main navigation Skip to footer

Covid-19: Centro de Saúde de Aguiar da Beira com serviços mínimos por tempo indeterminado

Só em casos urgentes é que utentes se devem dirigir à unidade local de saúde. Situações de sintomas do Covid-19, deve ligar para a linha gratuita Saúde 24 (808 24 24 24)

A partir de segunda feira, 16 de março, e até nova indicação, a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP) de Aguiar da Beira vai assegurar apenas o atendimento de serviços mínimos.

Os profissionais de saúde vão dar resposta, nomeadamente, às situações de doença aguda; consultas de saúde materna; consultas de saúde infantil até ao 1º ano de vida + vacinação; tratamentos de pensos e injeções; domicílios em situação de doença aguda.

Consultas para renovação de receituário e de baixas médicas e a avaliação de resultados de exames clínicos serão feitas de modo não presencial, devendo o utente contactar a unidade local de saúde através do telefone 232 689 090, ou do e-mail ucsp.abeira@arscentro.min-saude.pt.

Todas as outras consultas de vigilância – planeamento familiar, diabetes, hipertensão arterial e saúde infantil com mais de 1 ano -, bem como todas as consultas programadas, ficam sem efeito por tempo indeterminado.

A medida, deliberada pela Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC) e tomada no âmbito do plano de prevenção, contenção e de mitigação do novo coronavírus, pretende evitar “o aglomerado de pessoas e com isso a disseminação do vírus infecioso”.

“Apelamos para que sejam escrupulosamente respeitados os serviços mínimos. Para o bem de cada um e para o bem de todos”, referiu o médico António Lacerda, implorando às pessoas que só se dirijam ao centro de saúde por situações agudas.

“Não iremos atender ninguém presencialmente que não seja situação aguda”, reforçou o coordenado da UCSP local.

A unidade local de saúde estará em funcionamento, para dar resposta às situações anteriormente referidas, de segunda a sexta feira, entre as 8h e as 22h, e ao fim de semana, das 8h às 20h.

Caso se sinta doente ou tenha sintomas do Covid-19, deve ligar para a linha gratuita Saúde 24 (808 24 24 24).

Para dúvidas sobre assistência a familiares, baixas e quarentena, deve ligar 300 502 502.

É aconselhável não sair de casa. “Seja um agente de saúde pública, proteja-se a si e aos outros!”

Partilhar com...
Share on Facebook
Facebook
Email this to someone
email
Print this page
Print

0 Comments

There are no comments yet

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *